E afinal

Veja só o que me tornei,
Tudo que sou devo a você,
Veja só não me enganei,
O que passou aproveitei,

Nada pode ser maior,
Do que algo bem vivido,
Posso não ser o melhor,
Mas por você corro perigo,
Abraço tudo o que é nocivo,

E afinal eu corro atrás,
Pra esconder sua dor, completar o seu amor e dizer,
“Eu não vou te esquecer”,
E afinal eu corro atrás,
Porque só o seu amor me faz sentir a verdadeira paz,
Que eu não tinha,
Que eu não tinha,

E me faz entender, que eu sou feliz com você,
Veja só, o seu amor está em mim,
E eu sei que isso não vai ter fim,

E afinal eu corro atrás,
Pra te fazer feliz,
É tudo que eu sempre quis.

Alan Batista

Anúncios

4 comentários sobre “E afinal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s