Tocar e Cantar

Tens o som que me agrada,
Tens o som que eu faço, baixinho, sem jeito,
Notas e seus acordes, que, uma vez errado, não soam bem.
Não soam como me convém.

Mas o erro, é o acerto se lapidando,
Criando a forma certa de agradar os ouvidos,
agradar a alma,
agradar a calma.

Um silêncio rompido pelo som, pelo tom,
Pelo toque, pelo gosto.
Não abro mão de ser feliz,

Ainda que a vida, o inverso insistir,
ele me ensina que,
Dedilhar os caminhos são, os olhos abrir.
trocar as cordas também significa seguir,
baixar o tom, também é progredir,

Estalar os dedos, pigarrear,
Tocar, e cantar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s