Ondas sonoras

Nada a se fazer fora, nada a se fazer dentro, nada em canais, mesmas noticias nas abas.
Coloco meu fone de ouvido, e por um instante viajo sem estrada, sem percurso ou qualquer tipo de caminho ou direção.
O lugar parece estranho, mas dane-se, é a unica coisa legal que esta acontecendo hoje, e eu não quero parar. A música parece tomar outra dimensão e eu fecho meus olhos para visualizar. Enquanto soam as batidas em meus receptores, meu corpo se relaxa por completo e eu tenho certeza que isto é a unica coisa que acontecerá de fato hoje. Em meio a escuridão posso ver as linhas saltando como em uma equalização, cada grave proporciona tamanhos, formas, cores diferentes, até formar uma silhueta. Agora parece um rosto, não sei de quem é, uma boca, um corpo onde saem as linhas entram em cena uma bela imagem real, é uma bela mulher em minha direção. O que faço? Permaneço parado? Corro? Ou apenas observo? Sim, vou observar, aproximando-se de mim, e como és linda! Está mais perto do que nunca, se inclinando. E agora?
– Maximiliano, para de babar nessa merda desse sofá, já cansei de falar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s